Arquivos


O caminho para a inovação




09/10/2013 09:16 Por:

Inovação não é um produto que se compra pronto, mas sim o resultado de um processo no qual é necessário que todos os envolvidos sejam parte ativa. Só assim é possível implementar no mercado algo que seja escalável e se consolide ao longo do tempo. Para isso, o processo não requer tanta preocupação, ele é apenas um norte. Guie-se por uma abordagem pré-estabelecida, mas esteja aberto a desvios de rota ao longo do caminho. Mudanças necessárias, às vezes, só são percebidas quando colocamos em prática a ideia. A prototipagem é um exemplo. Quando testamos um produto ou serviço, visualizamos coisas... Ler Mais




Dica de leitura: “A Universidade Inovadora”




04/10/2013 14:00 Por:

É fato que a tecnologia está cada vez mais presente no nosso cotidiano. Ela se tornou indispensável para os avanços em todas as áreas do conhecimento. Neste sentido, Clayton Christensen, o pai da teoria da inovação disruptiva, e seu colega Henry J. Eyring, apresentam o livro A Universidade Inovadora – Mudando o DNA do Ensino Superior de Fora para Dentro. Sob o ponto de vista da “teoria da inovação disruptiva”, as análises apresentadas na obra buscam identificar os desafios atuais e sugerir soluções para adaptar os ambientes educacionais ao cenário moderno. Para fazer essas análises, os autores utilizam como objeto... Ler Mais




Ideias inovadoras precisam de ousadia




03/10/2013 09:00 Por:

A inovação é uma realidade que tem de ser encarada pelas empresas como a solução e não como custo. O conservadorismo pode ser seguro, mas chega um momento que se torna um entrave para a realidade das instituições. Um sentimento que pode acabar com as ideias inovadoras é a insegurança. O medo traz razão, maturidade e consciência, é verdade, mas é preciso ultrapassar essa barreira e adicionar uma boa dose de coragem ao dia a dia para fugir do lugar comum. Por fim, inovar é ousar, é arriscar. Fazer apenas o que se conhece, o que dá certo, vai manter... Ler Mais




As experiências inusitadas do design thinker que vira cliente




01/10/2013 09:00 Por:

Quem se propõe a trabalhar com design thinking sabe que todo o exercício para encontrar soluções aos problemas colocados é calcado na experiência de consumo e não apenas no produto ou serviço em si. Luis Arnál, presidente da Insitum – empresa que busca no cotidiano do consumidor informações para gerar inovação e novos negócios – costuma encarar desafios inusitados e corporativamente radicais. Arnál não se contenta em ouvir relatos de seu público alvo sobre as necessidades encontradas. Antes de propor inovações às empresas que o contratam, ele sempre faz uma imersão no mundo que está pesquisando. Uma das experiências curiosas... Ler Mais