O livro “Vencedoras por opção” (HSM Editora) é fruto de nove anos de pesquisas de Jim Collins e seu colega Morten Hansen. Nesse período, os autores norte-americanos analisaram empresas que alcançaram o sucesso em cenários imprevisíveis e em tempos de crise, identificando os princípios necessários para construir uma companhia de sucesso mesmo na incerteza e no caos e compararam com empresas que não prosperaram em cenários semelhantes.

 

Jim Collins é um dos mais respeitados pensadores do management mundial da atualidade. Considerado por muitos o sucessor do grande maestro da Administração contemporânea, Peter Drucker. É autor de diversos livros sobre administração de empresas e já vendeu mais de 3,5 milhões de exemplares. Hansen é professor da Universidade da Califórnia, em Berkeley, e da escola de negócios francesa Insead. Também é um dos maiores estudiosos do mundo sobre como as empresas se comportam nos setores e períodos instáveis e caóticos.

 

Os resultados dos estudos mostraram que as “empresas vencedoras” reagiram às mudanças radicais do mundo com menos mudanças que as do grupo comparativo. O diferencial está exatamente na experiência empírica, que mostra o comportamento dos líderes e companhias que prosperam, enquanto os concorrentes se afligem com a sobrevivência de seus negócios.

 

Os líderes das empresas de sucesso, diferente do que se poderia deduzir, eram mais disciplinados, empíricos e paranoicos que os das empresas que não prosperaram. Eram, portanto, mais competentes para dosar a inovação e mesclar criatividade com disciplina.

 

Os autores apresentam um livro contestador, porém bem pesquisado e embasado, no qual provam que, já que não é possível prever o futuro, a opção é realizar planejamento, análise de mercado e ter obstinação para criar o próprio futuro e, assim, prosperar mesmo em um cenário de incertezas.

Tags: , , , , , , , | Categorias: , , , | Post escrito por: Editoria